Pular para o conteúdo principal

Atendimento médico via tablet no SUS é inédito no Brasil

O novo módulo de Mobilidade do sistema G-MUS da Inovadora permite maior agilidade na atualização dos dados de atendimento médico no SUS através de tablets e internet.

A cidade de Novo Hamburgo no Rio Grande do Sul é uma das pioneiras na utilização do novo recurso: o médico de família Antonio Tomas Betancourt não precisa mais de papel e caneta para anotar o prontuário dos pacientes atendidos pela Unidade de Saúde da Família (USF).

– É fantástico porque a gente consegue, além de agilizar o processo, construir um memória sobre o paciente. Tudo que diz respeito a saúde dele nós temos registrados – afirma ele.


As equipes poderão abastecer os prontuários dos pacientes com fotografias e descrições pontuais, como por exemplo, tipo de medicamento, tratamento prescrito e condições das famílias. As informações sobre cada paciente ficarão vinculadas ao número do Cartão SUS. Os profissionais que já têm acesso ao recurso passaram por treinamentos para usar com plenitute os programas disponibilizados no tablets.

O uso dos equipamentos pelas equipes de USF só foi possível depois da informatização dos dados dos usuários. O G-MUS proporciona a criação de um banco de dados sobre a situação de saúde dos hamburguenses. Conforme o secretário de Saúde, Luis Carlos Bolzan, se o médico constatar uma doença que possa ocasionar um risco de epidemia, o sistema pode disparar um alerta imediato, via mensagem de texto.

– Se isso acontecer em Novo Hamburgo, teremos um sistema de localização e georreferenciamento que nos permitirá agir precisamente na comunidade local – destaca.
Com as informações, o município também desenvolveu um site dedicado à Secretaria de Saúde (SMS). 

Fonte: Jornal Zero Hora
Foto: Charles Dias / Especial

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Palhoça informatiza sistema de saúde com o G-MUS

Na busca de agilizar o atendimento e diminuir a burocracia em toda a Rede Municipal de Saúde, a Prefeitura Municipal de Palhoça / SC está informatizando todo o sistema com o software G-MUS da Inovadora.


O posto Cambirela foi o primeiro a ser informatizado 100% e o projeto vai se estender para todas as unidades de Saúde de Palhoça. O projeto de informatização vai unificar o cadastro dos cidadãos palhocenses, em todos os módulos de atendimento garantidos pela Constituição Federal. 

O sistema vai armazenar dados, com informações sobre atendimentos e tratamento médico, odontológico, atendimento nas farmácias, registros das vacinas e procedimentos laboratoriais. “Todas as informações dos pacientes estarão registradas no prontuário que poderá ser acessado pelo nome ou pela impressão digital (biometria) do cidadão”, afirma Camilo.


No cadastro informatizado, o sistema ainda vai unificar informações do prontuário que revelam quais os medicamentos que o paciente está usando, inclusive as retiradas…

Saiba como fica o registro de vacinas com o fim do SI-PNI

O Ministério da Saúde, através da PORTARIA nº 2.499 de 23/09/2019, anunciou o fim do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SI-PNI e API Web) será encerrado no prazo de 60 (sessenta) dias, contados a partir da publicação desta Portaria.
Com isso, o registro de dados de aplicação de vacinas e de outros imunobiológicos a ser realizado nas Unidades de Atenção Primária à Saúde deverão ser realizados exclusivamente no Prontuário Eletrônico do Cidadão (PEC); na Coleta de Dados Simplificada (CDS); ou nos sistemas próprios ou de terceiros devidamente integrados ao SISAB, de acordo com a documentação oficial de integração disponível no sítio eletrônico do e-SUS AB.

Informamos também que Inovadora já possui em seu sistema o módulo de Imunizações (vacinas) que contempla os registros das aplicações de vacinas e de outros imunobiológicos e estará sendo integrado ao SISAB, bem como as adaptações conforme a documentação oficial disponibilizada e o prazo do Ministério.
Os clientes que…

Sapucaia do Sul implantou o sistema G-MUS na Secretaria de Saúde

O município localizado na região metropolitana de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, iniciou hoje as atividades com o nosso sistema de gestão para a saúde municipal, o G-MUS. 

Com cerca de 140 mil habitantes, a informatização da Saúde em Sapucaia do Sul irá atender de forma qualificada o cidadão, melhorando a gestão e aproveitando melhor os recursos.